Vidro Fundido por Acção Nuclear encontrado em Antigas Civilizações

0
1782
Vidro Fundido por Explosão Nuclear
Vidro Fundido por Explosão Nuclear

Após o primeiro teste da bomba atómica em Alamogordo, em 1945, descobriu-se que o local da explosão estava coberto com uma camada de vidro verde fundido e a areia fora transformada em vidro pela explosão.

Vários anos após o fim da Segunda Guerra Mundial, cientistas realizaram escavações nas proximidades da Babilónia, a antiga grande metrópole da Mesopotâmia e ao que se supõe, local da Torre de Babel. Com o objectivo de apurar até que profundidade as camadas de ruínas e artefactos chegavam. Os arqueólogos cavaram um túnel experimental na vertical, para catalogar as suas descobertas por épocas.

Eles cavaram abaixo “da era de grandes ruínas antigas” e passaram por uma cidade do passado enterrada sob camadas de loesses inundados. Então, ao prosseguir com as escavações, eles encontraram aldeias que indicavam uma cultura agrária. Ao descer mais ainda, descobriram fundações de uma cultura voltada à caça e à criação de gado, com artefactos ainda mais primitivos. A escavação chegou ao fim quando, por baixo de todas essas camadas anteriores, os cientistas encontraram uma camada sólida de vidro fundido.

Fonte: Livro «O Livro dos Fenómenos Estranhos» de Charles Berlitz

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here