O Pássaro Gigante que caçou Marlon Lowe

0
1790
Representação do Pássaro Gigante a caçar Marlon Lowe
Representação do Pássaro Gigante a caçar Marlon Lowe

Às 20:10 do dia 25 de Julho de 1977, Marlon Lowe, um menino de 10 anos de Lawndale, Illinois, teve uma experiência que a Ciência considera impossível, foi levantado do chão e transportado pelo ar por um grande pássaro.

O primeiro habitante de Lawndale a perceber alguma coisa estranha no ar foi um homem chamado Cox, que viu dois grandes pássaros semelhantes a condores vindos do sudoeste. Naquele momento, Marlon estava a correr com alguns amigos, sem perceber que logo atrás dele dois pássaros gigantes, diferentes de qualquer espécie existente no estado do Illinois, voavam a cerca de 2,50 metros de altura do solo. O menino ainda estava a correr, quando um deles o agarrou e transportou-o pelo ar.

Marlon Lowe e a sua mãe
Marlon Lowe e a sua mãe

A sua mãe, Ruth Lowe, viu tudo e gritou aterrorizada, correndo atrás dos pássaros. Depois de carregá-lo através de uns 100 metros, a criatura soltou Marlon, que caiu, mas não ficou ferido. Os dois pássaros voaram em direção ao nordeste. No total, seis pessoas testemunharam o incrível evento.

A Sra. Lowe declarou que os pássaros pareciam enormes condores, com bico de 15 centímetros e pescoço de 45 centímetros e um anel branco no meio do pescoço. Com excepção do anel, os pássaros eram pretos. Cada asa tinha, pela estimativa mais conservadora, 1,20 metro de comprimento.

Mesmo com seis testemunhas, a história era tão incrível que, embora atraísse a divulgação em âmbito nacional, ninguém acreditou nela e a família Lowe viu-se sujeita a uma perseguição odiosa. O guarda-florestal local apelidou a Sra. Lowe de mentirosa. Pessoas desconhecidas começaram a deixar pássaros mortos junto à porta da casa deles. Os adolescentes locais passaram a perturbar Marlon, chamando-o de “Bird Boy” (Rapaz Pássaro).

Representação do Pássaro Gigante a caçar Marlon Lowe
Representação do Pássaro Gigante a caçar Marlon Lowe

A tensão do ataque original e das suas consequências foi tal que os cabelos de Marlon, antes ruivos, tornaram-se grisalhos. Durante mais de um ano, depois do incidente, ele recusou-se a sair de casa à noite.

Dois anos mais tarde, recordando aquele episódio, a Sra. Lowe contou aos investigadores Loren e Jerry Coleman: “Nunca esquecerei como aquela coisa enorme curvou o pescoço com o anel branco e pareceu bicar o meu filho, enquanto o levava para longe de mim. Eu estava junto à porta e tudo o que vi foram os pés de Marlon a balançar no ar. Não existem pássaros por aqui que pudessem tê-lo levantado daquela forma”.

Fonte: Livro «O Livro dos Fenómenos Estranhos» de Charles Berlitz

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here