Anonymous: composição online

0
381
Constituição dos Anonymous
Constituição dos Anonymous

Os Anonymous são constituídos em grande parte por membros de imageboards múltiplas e fóruns da Internet. Além disso, vários wikis e redes de chat na internet são mantidas tendo em vista superar as limitações dos imageboards tradicionais. Estes modos de comunicação são os meios pelos quais os manifestantes dos Anonymous que participam do Projecto Chanology comunicam e organizam protestos futuros.

A “coligação dos habitantes da Internet” é um grupo está unido pela Internet através de sites como o 4chan, 711chan, Encyclopædia Dramatica, canais de IRC e o YouTube. Serviços de Redes Sociais, como o Facebook, são usados para a criação de grupos que chegam às pessoas para as mobilizar a protestos mundiais.

Os Anonymous não têm nenhum líder ou partido controlador e dependem do poder colectivo dos participantes individuais, agindo de tal forma que o efeito da internet possa beneficiar o grupo. “Qualquer pessoa que queira pode ser dos Anonymous e pode trabalhar em direcção a um conjunto de metas. Um membro dos Anonymous explicou ao Jornal da Cidade de Baltimore: “Temos uma agenda com a qual todos concordamos. É uma agenda que nos coordena e segundo a qual agimos, mas apesar disso, todos agem de forma independente em direcção a ela, sem qualquer necessidade de reconhecimento. Nós só queremos fazer algo o qual sentimos que é importante ser feito…”

Chris Landers escreveu no Baltimore City Paper: «[Anonymous] é a primeira super consciência baseada na Internet. Os Anonymous são um grupo, no sentido de que um bando de aves é um grupo. Como é que eles sabem que são um grupo? Porque estão caminhar na mesma direcção. Em qualquer dado momento, mais pássaros podem entrar, sair ou ir por outra direcção completamente diferente.»

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here