Apresentação do Movimento Thrive

0
507
Movimento Thrive
Movimento Thrive

O Movimento Thrive, existe e é apresentado essencialmente através do seu site (http://www.thrivemovement.com/). Nele, podemos encontrar, com um design bem conseguido, um menu, que está dividido em algumas secções.

A primeira secção é dedicada ao documentário Thrive. A segunda secção tem como título “Pesquisa” (Research), e fala sobre o código (padrões energéticos e geométricos do universo), sobre extraterrestres, sobre os problemas do mundo (Os planos de domínio global), e as soluções oferecidas ou sugeridas. Além disso, também surge uma ligação para o Blog de Foster Gamble e um pequeno questionário para se concluir se o visitante está a par da realidade conforme esta nos é oferecida pela visão do Movimento Thrive.

A secção seguinte fala-nos dos 12 sectores, nos quais se supõe existir perigo de domínio por parte da elite, e se descreve as oportunidades que cada uma nos pode dar. Os 12 sectores são: Artes, Economia, Educação, Ambiente, Governo, Saúde, Infraestruturas, Justiça, Imprensa, Relações, Ciência, Espiritualidade e Visão do Mundo.

A secção seguinte convida-nos a agir. Nesta secção aparecem as top 10 melhores acções; ajudar a espalhar o Movimento Thrive; iniciar grupos de soluções; inscrever-se em acções de grupo, que indicam o numero de pessoas já inscritas, dar apoio pessoal; fazer donativos e seguir o Blog de Foster Gamble.

A quinta secção diz respeito ao eixo de soluções, ou seja, os grupos Thrive que se vão formando e crescendo pelo mundo.

A sexta e última secção é a loja, que vende os DVDs do documentário, packs de vários DVDs, canecas, autocolantes e t-shirts do Movimento.

Considerações sobre o Movimento Thrive

Parecendo, ao inicio, uma ideia prometedora, o desenvolvimento do site em mais de um ano de existência, tem parecido insípido, e ineficaz, com nenhum ou quase nenhuns resultados práticos, apesar de poder passar a ideia de que algo está a ser feito.

Além disso, algumas sugestões, como depositar o nosso dinheiro em bancos locais, são obviamente ineficazes, promovendo a continuidade do mesmo sistema bancário e status quo económico.

Por isso, uma observação atenta vem aumentar os receios de se tratar realmente, como alguns temem, de um movimento que conduz muitos ao logro de pensarem estar a contribuir para algo, estando no entanto, a ser conduzidos para propósitos desejados pelos mesmos poderes os quais, virtualmente, se deseja combater.

Este é, no entanto, um movimento visto com respeito e até apoiado por investigadores experientes como Alex Jones e David Icke.

O tempo irá ajudar-nos a tirar melhores ilações acerca deste tema.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here