O FBI foi à Islândia para investigar o Wikileaks, em Agosto de 2011, tendo sido convidado a sair do país

0
633
Investigação do FBI no Wikileaks
Investigação do FBI no Wikileaks

Um grupo de agentes do FBI chegou à Islândia em Agosto de 2011, solicitando a colaboração das autoridades islandesas para investigar o WikiLeaks, como revelou o porta-voz da WikiLeaks, Kristinn Hrafnsson, na revista de notícias RÚV Kastljós, na noite passada.

«O FBI apareceu por cá, num jacto privado e desembarcou no Aeroporto de Reykjavík. Segundo as minhas informações, que são bastante credíveis e já tive a oportunidade de confirmá-la, o ministro do Interior Ögmundur Jónasson foi notificado da sua chegada e reagiu com desagrado, porque considerou ser incrivelmente presunçoso terem aparecido por cá desta forma», afirmou Kristinn.

“De acordo com minhas informações, ele exigiu que estes agentes arrumassem as malas, embarcassem no avião e deixassem o país”, acrescentou Kristinn. “Eu sei que tal foi posteriormente discutido dentro do Governo, que formalmente se opôs às autoridades norte-americanas.”

Ögmundur confirmou as declarações de Kristinn ao RÚV, afirmando que um grupo de agentes estrangeiros chegou ao país em Agosto de 2011, requerendo apoio para investigar um certo assunto. O seu pedido foi rejeitado, por não ser natural a uma força policial estrangeira conduzir investigações na Islândia, considerou o ministro.

31 de Janeiro de 2013

Fonte: Iceland Review Online

Artigo Original:  AQUI.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here