Ocorreram duas grandes explosões em Tianjin na China

0
26
Explosões em Tianjin
Explosões em Tianjin

As explosões aconteceram num armazém no porto que continha produtos químicos perigosos e inflamáveis, incluindo carboneto de cálcio, cianeto de sódio, nitrato de potássio, nitrato de amônio e nitrato de sódio.

As autoridades insistem que ainda não está claro o que desencadeou as explosões. A imprensa chinesa afirmou que pelo menos um membro da equipa de Tianjin Dongjiang Port Ruihai International Logistics, dono do depósito, foi preso.

Antes das explosões, vários bombeiros já estavam no local a tentar controlar um incêndio. Algumas pessoas sugeriram de que a água pulverizada em conjunto com alguns dos produtos químicos poderiam ter causado as explosões.

O carboneto de cálcio, conhecido por estar no local, reage com a água para criar o acetileno ,altamente explosivo.

Especialistas químicos sugerem que uma explosão de acetileno pode ter detonado os outros produtos químicos para uma explosão muito maior.

Qual foi a magnitude das explosões?

China Earthquake Networks Center
China Earthquake Networks Center

O China Earthquake Networks Center afirmou que a explosão inicial, numa cidade com uma população de cerca de 15 milhões, teve uma potência equivalente a três toneladas de TNT a detonar, enquanto a segunda foi o equivalente a 21 toneladas.

A segunda foi tão grande que os satélites que orbitam à volta da Terra também a detectaram. A página de Internet de dados chinês Cnbeta publicou fotografias a mostrar a explosão repentina.

Qual foi o resultado das explosões?

A explosão destruiu uma quantidade significativa de mercadorias armazenadas dentro e ao redor do porto, no distrito novo de Binhai.

Grandes contentores de transporte foram lançados ao ar como palitos de fósforo e amassados ​​pelas explosões.

Parque logístico com viaturas incendiadas
Parque logístico com viaturas incendiadas

Um parque logístico contendo vários milhares de carros foi incinerado pela bola de fogo. A Renault afirmou que cerca de 1500 dos seus carros foram perdidos, enquanto a Hyundai disse que tinha cerca de 4 mil carros no local.

A onda de choque estendeu-se por vários quilómetros do porto até áreas residenciais.

O impacto abalou edifícios inteiros, partiu janelas e arrancou portas das suas dobradiças.

Mais de 720 pessoas foram levadas ao hospital, das quais cerca de 60 ficaram gravemente feridas. A Reuters relatou

que vários milhares de pessoas que moram próximo do porto tiveram que deixar as suas casas.

Como foram combatidas as explosões?

Mais de mil bombeiros foram enviados ao local para conter os incêndios. As autoridades informaram que estavam a terminar numa última área que ainda estava a arder e o último dos produtos químicos tóxicos seria neutralizado.

Mais de 200 especialistas químicos e biológicos do exército estiveram no local.

O presidente da China, Xi Jinping e o primeiro ministro Li Keqiang prometeram realizar uma investigação completa e garantir “a divulgação de informações aberta e transparente ao público”.

Xi Jinping
Xi Jinping

A China também ordenou uma verificação nacional de produtos químicos perigosos e explosivos.

Cerca de 700 toneladas de cianeto de sódio estavam presentes no local. É solúvel em água e, quando dissolvido ou queimado, liberta um gás altamente venenoso, cianeto de hidrogênio .

As autoridades confirmaram que três estações de monitorização de descarga de águas residuais dentro da área evacuada registraram níveis excessivos de cianeto, com uma estação a registar um nível 27,4 vezes o limite normal, relatou o Diário do Povo.

Que impacto isso teve no porto de Tianjin?

Tianjin é um importante porto industrial próximo a Pequim e uma porta de entrada para mercadorias que entram e saem da capital e do norte industrial da China. É também o principal centro comercial de metais e aço.

A porta permanece parcialmente aberta porque a explosão foi contida numa seção.

Mysteel.com
Mysteel.com

“As autoridades impuseram verificações rigorosas e o movimento de entrada e saída do porto diminuiu, o que provavelmente afectará alguns setores”, informou o portal de notícias Mysteel.com.

A gigante das minas BHP Billiton viu algumas interrupções nas suas operações portuárias e embarques.

A fábrica da Toyota informou que teve de fechar as linhas de produção nas suas fábricas perto de Tianjin durante alguns dias, enquanto o fabricante de máquinas agrícolas John Deere informou que suspendeu o trabalho por tempo indeterminado. Ambos viram alguns dos seus trabalhadores feridos pelas explosões.

Fonte: bbc.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here